fbpx

Como um fluxo de caixa organizado pode ajudar sua empresa

O fluxo de caixa é uma das principais ferramentas de gestão, que deve ser adotada por todo tipo e segmento de empreendimento, independente do seu porte. Logo, seja uma pequena loja ou uma grande indústria multinacional, a utilização do fluxo de caixa é indispensável no dia a dia das operações. Mas você sabe como o fluxo de caixa pode ajudar sua empresa e como empregá-lo nas suas atividades? Nós da GGV Consultoria entendemos a importância desse tema e, por isso, preparamos este artigo que contém tudo o que você precisa saber para implantar esta ferramenta e entender como ela pode ajudar sua empresa.

O que é o fluxo de caixa?

O fluxo de caixa é uma ferramenta de gestão financeira que tem por finalidade registrar todas as entradas e saídas do caixa ao longo de cada dia das operações do empreendimento, ou seja, descrever os movimentos financeiros de crédito e débito, com registro de cada movimentação que gera embolso ou desembolso financeiro.

Agora que você entendeu de forma objetiva o que é e o que representa o fluxo de caixa, que tal ver onde aplicar a ferramenta? Continue lendo e veja como essa simples e poderosa ferramenta pode ajudar sua empresa.

Apoio no orçamento empresarial

É quase que de rotina que, ao final de cada ano, as empresas realizem o orçamento anual do próximo ano, onde irão projetar seus gastos, suas receitas e os recursos necessários para que não haja interrupção das suas atividades. O orçamento empresarial é um documento muito importante para todo gestor e tem seus fundamentos no fluxo de caixa, em que a equipe responsável por sua elaboração analisa os movimentos passados na busca de identificar padrões e, também, analisa os movimentos futuros para saber os possíveis recursos que terão em sua posse dentro de um determinado tempo. Logo, de acordo com os apontamentos feitos pelo fluxo de caixa será possível realizar a elaboração do orçamento anual com base em dados consistentes e reais, em que o detalhe de informações é a base do sucesso do planejamento.

Apoio na análise de viabilidade de projetos

Como sabemos, a razão de existir de um empreendimento é satisfazer as necessidades dos seus clientes e, em contrapartida, obter lucro e crescimento por meio das suas operações. Porém, para que haja crescimento são necessários investimentos e a realização de projetos que têm por objetivo fomentar o negócio. No entanto, todo projeto deve passar por um processo de análise de viabilidade antes da sua implantação, dado que, isto envolve riscos e a análise dos retornos esperados e projetados.

Neste momento, entra em cena o fluxo de caixa, instrumento que irá subsidiar os avaliadores com informações financeiras a respeito dos débitos e créditos da organização, a média de gastos e receitas, a visão de sazonalidades e muitas outras informações de grande pertinência no processo da análise de viabilidade da execução de um projeto. Por este motivo é de extrema importância que a empresa tenha um fluxo de caixa organizado e atualizado diariamente, pois, informações incompletas e desatualizadas não têm serventia e podem até levar a erros.

Aging List

O Aging List (do inglês “lista de envelhecimento”) é um relatório em que sua principal característica é classificar cronologicamente os títulos a pagar e a receber, agrupando-os em períodos de 30 dias. Este relatório tem como base as informações do fluxo de caixa, logo, percebemos a grande importância da sua implantação e atualização. Com as informações do fluxo de caixa e do Aging List a empresa tem melhor controle sobre suas políticas de crédito e cobrança, bem como o planejamento financeiro a efetividade na recuperação de crédito referente a títulos em atraso.

Visualização de Necessidade de Capital de Giro (NCG)

No dia a dia das operações da empresa são realizados pagamentos e recebimentos, investimentos e outras operações que envolvem o capital de giro e, deste modo, entender e perceber quando há necessidade de capital de giro é um fator primordial, principalmente, quando há juros envolvidos na operação. Ter um fluxo de caixa organizado, atualizado e devidamente estruturado permite visualizar perfeitamente a necessidade de capital de giro (NCG) dia a dia e, no momento em que as receitas forem menores que as despesas, o gestor da área terá tempo hábil para realizar a capitação de recursos, o que evita o pagamento de juros acima do padrão e aceitável pelas práticas do negócio.

Como você pode perceber, o fluxo de caixa é uma ferramenta indispensável em muitos momentos das operações da empresa, porém, para que seja efetivo e possa colaborar de forma positiva com a empresa é necessário que suas informações sejam confiáveis e atualizadas diariamente. Só assim, os gestores terão informações suficientes para a tomada de decisão e elevar a empresa a melhores níveis no mercado em que atua.