fbpx

Como realizar um fluxo de caixa descontado?

Como realizar um fluxo de caixa descontado?

Qual será o valor de sua empresa? Para um empreendedor é fundamental saber quanto vale o seu ativo, no caso, uma empresa completa. Uma das formas mais utilizadas e eficazes para determinar este valor é através do fluxo de caixa descontado. Esta ferramenta leva em conta entradas, saídas, riscos e potencialidades da empresa para determinar quanto este negócio pode valer, seja em valor presente ou em valor futuro. Contrate uma consultoria empresarial para ficar de olho no valor de sua empresa. Conheça a GGV Consultoria!

Esta ferramenta é fundamental para os administradores e outros profissionais que lidem com a compra e com a venda de empresas, ações, parcelas societárias e outros ativos, pois ele ajuda a compreender melhor o potencial, os riscos e as características do investimento que está disposto a fazer ou do negócio do qual está prestes a abrir mão e vender para outro investidor.

Especialmente quando vai captar recursos de novos investidores, o fluxo de caixa descontado é realizado para trazer luz a toda a complexidade que pode ser determinar o quanto vale uma empresa.

Neste artigo, falaremos um pouco mais sobre esta ferramenta e sua importância dentro do mundo empresarial. Falaremos também sobre como uma consultoria empresarial profissional, especializada e experiente pode facilitar a sua vida como empresário e melhorar a saúde dos seus negócios.

O Fluxo de Caixa Descontado (FCD)

O FCD funciona a partir de quatro grandes princípios base para a vida financeira do seu negócio, os quais são as estimativas do fluxo de caixa, a determinação das taxas de desconto, os cálculos do valor residual e os cálculos para se estabelecer o valor da empresa.

Na estimativa do fluxo de caixa, calcula-se quanto uma empresa recebeu (entradas) e o quanto gastou (saídas) durante um período determinado. São considerados também os riscos do investimento e o custo do capital. Essa é a chamada taxa de desconto. O que chamamos de valor residual é quanto vale (ou custa) um ativo após o período em que sua vida útil for encerrada.

Na prática, para facilitar a compreensão de quem nos lê: O fluxo de caixa descontado (FCD) consegue estimar o valor da empresa através da quantidade de recursos que ela será capaz de gerar no período futuro considerado, mais o tanto de capitais que já possui hoje, reduzindo-se o risco agregado às estimativas e o quanto o tempo custa à empresa. Nesse caso, falamos em variações da moeda e da inflação de acordo com as projeções do IPCA.

Para entender, um exemplo de como realizar um fluxo de caixa descontado!

Vamos utilizar um exemplo bastante simples para fixar a compreensão de tudo o que falamos até agora com valores fictícios. Fique atento às contas para enxergar como funciona “na prática” o fluxo de caixa descontado (FCD). Neste exemplo, as projeções de faturamento de sua empresa para um período de quatro anos são os seguintes:

Ano 1 – R$ 58.400 | Ano 2 – R$ 64.200 | Ano 3 – R$ 73.800 | Ano 4 – R$ 87.500.

Para que estes valores se tornem o mais próximo possível do valor presente, uma vez que sobre ele incorre inflação e taxa de juros, vamos fazer um cálculo para estimar quanto o dinheiro do futuro vale hoje. Para isso, tem que se dividir o valor (capital) pela taxa de juros (12% em nosso exemplo, ou 0,12) 1 = Capital/ (juros 1), elevado ao respectivo período.

Ano 1 – 58.400 / (0,12 1)¹ = R$ 52.143
Ano 2 – 64.200 / (0,12 1)² = R$ 51.180
Ano 3 – 73.800 / (0,12 1)³ = R$ 52.530
Ano 4 – 87.500 / (0,12 1)⁴ = R$ 55.610

Ao somarmos as quatro quantias trazidas ao respectivo valor presente, temos que o valor de sua empresa, de acordo com o Fluxo de Caixa Descontado será de R$ 211.463. Lembre-se que, com esta técnica o que está em análise é o valor de sua empresa. Alguns empresários, inexperientes ou pouco preparados, acabam sendo enganados por negociadores e investidores “mais espertos” na hora de fazer negócios por não dominar bem a técnica do FCD.

Baixe nosso e-book para reduzir os custos e aumentar o lucro da sua empresa

Conte com a consultoria empresarial da GGV e nunca fique na mão! Acesse e faça um orçamento!



Autor: Gustavo Resende
Mercadólogo, especialista em finanças e Diretor de projetos da GGV com skills orientadas a gestão de negócios, finanças e relacionamento empresarial.