fbpx

Aprenda 4 lições essenciais sobre liderança de equipes

Liderar é uma tarefa que exige desprendimento e capacidade de agregar pessoas em torno de metas em comum. Para se tornar um líder cada vez melhor é possível contar com alguns passos úteis, mesmo que fórmulas prontas não existam. A liderança de equipes se baseia no princípio da autoconfiança e no senso de prioridades.

Vamos conhecer algumas dicas que podem ajudar um líder a motivar seus colaboradores no desenvolvimento de um trabalho construtivo, independentemente de suas atribuições.

Reciclagem de conhecimentos

Liderar uma equipe exige conhecimento sobre a área de atuação da empresa. Estar antenado às novas técnicas e ter interesse pelos trabalhos desenvolvidos por outros profissionais da área são estímulos para uma liderança dinâmica, que não se prende em ideias fáceis.

A constante mudança no mercado faz com que os saberes de todos os campos deparem-se com mudanças frequentes, o que não deve gerar pânico, mas sim uma vontade de construir pontes de conhecimento que possam ser transmitidas à equipe de forma clara, simples e objetiva.

Integração da equipe

É preciso também perseguir a integração plena da equipe, por mais que possa parecer difícil ao lidar com seres humanos, sempre complexos em suas posturas e ações. Por isso, um líder precisa evitar que questões menores ganhem proporções conflituosas e atrapalhem o entrosamento entre colaboradores.

Para isso, recomenda-se manter um relacionamento amistoso que incentive a troca de experiências e uma relação horizontalizada com a equipe. Isso quer dizer que por meio do conhecimento das expectativas e necessidades de cada um pela via do diálogo, é possível integrar mais as pessoas entre si e engajar todos ao redor dos objetivos da empresa.

Liderança solidária

Liderar para um crescimento conjunto da equipe é diferente de simplesmente chefiar. Quando tarefas são passadas de forma descontextualizada, sem qualquer reflexão ou debate, gera-se o desconforto de lidar com um gestor que não cria um fluxo de ideias constante, abrindo de discussões frutíferas.

Juntos, colaboradores e líderes têm mais chances de chegar a soluções criativas para problemas que se apresentam no dia a dia das funções realizadas na empresa e exigem dinamismo e capacidade de adaptação.

Essa é uma forma fundamental de valorização do colaborador a ser destacada: inseri-lo no processo produtivo, sem intimidar ninguém, pois não há verdades únicas sob a posse do líder. Ouvir o outro e apreciar o seu ponto de vista de forma inclusiva ajuda a construir uma equipe mais integrada, promovendo uma liderança democrática.

Visão de longo prazo

Um líder eficaz aprende a enxergar situações além do superficial. Esse mérito se constrói com a experiência acumulada e os conhecimentos renovados, que juntos ensinam a duvidar das respostas simplistas e buscar aquilo que não está no horizonte visível. São caminhos que precisam ser descobertos caso seja considerado o valor de uma “ideia ação”, aquela que ganha forma na própria medida em que serve de instrumento para desenvolver novas habilidades.

Esses passos ajudarão a construir uma liderança de equipes de acordo com uma concepção mais atualizada de recursos humanos, pautada no respeito às diferenças e na construção de ideias fora de esquemas redutores.

Gostou do nosso artigo? Deixe seu comentário sobre como você trabalha a liderança de equipes.